ALICE NA CAVERNA

Forum de discussão filosófica sobre os mais variados temas.
 
InícioInício  CalendárioCalendário  FAQFAQ  BuscarBuscar  MembrosMembros  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-se  

Compartilhe | 
 

 Frankestein e a Filosofia - 2º Ano / E.M.

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : 1, 2  Seguinte
AutorMensagem
Admin
Admin


Mensagens : 6
Data de inscrição : 18/08/2017

MensagemAssunto: Frankestein e a Filosofia - 2º Ano / E.M.   Sex Ago 25, 2017 10:12 am

SHELLEY, Mary. Franskenstein.

Sinopse

   A princípio, tratava-se de um pequeno conto sobre um jovem estudante suíço que ambicionava criar um ser ideal, injetando vida a um corpo morto. Mais tarde, transformado em romance, tornou-se um marco na literatura do gênero. Frankenstein ou o Moderno Prometeu (Frankenstein; or the Modern Prometheus, no original em inglês), mais conhecido simplesmente por Frankenstein, é um romance de terror gótico com inspirações do movimento romântico, de autoria de Mary Shelley, escritora britânica nascida em Londres. O romance relata a história de Victor Frankenstein, um estudante de ciências naturais que constrói um monstro em seu laboratório. Mary Shelley escreveu a história quando tinha apenas 19 anos, entre 1816 e 1817, e a obra foi primeiramente publicada em 1818, sem crédito para a autora na primeira edição. Atualmente costuma-se considerar a versão revisada da terceira edição do livro, publicada em 1831, como a definitiva. O romance obteve grande sucesso e gerou todo um novo gênero de horror, tendo grande influência na literatura e cultura popular ocidental. (fonte : Skoob)
Diante da obra citada e a adaptação cinematográfica (2015) exibido em sala de aula, argumente neste fórum sobre os seguintes tópicos:


  • “Eu seria o primeiro a romper os laços entre a vida e a morte, fazendo jorrar uma nova luz nas trevas do mundo." "Ressurreição! Sim, isso seria nada menos que o poder de ressurreição.” Comente sobre essa afirmação.



  • Como a busca pela razão ultrapassa os valores humanos?



  • Quais fundamentações filosóficas estão presentes no filme?



  • Victor Frankeinsten é um homem devotado a ciência, sua pequena busca era a de criar a vida, é quase a busca pelo poder criador, o que comumente chamamos de "Deus". Victor queria ser a seu modo Deus criando e trazendo de volta a vida. Qual sua opinião diante da visão entre vida e morte e a possibilidade de resgatar a vida, mesmo que para isso, a ética deverá ser abalada.

  • Qual a analogia da criação de Victor Frankestein e o mito de Prometeu?


Última edição por Admin em Sex Ago 25, 2017 10:19 am, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://alicenacaverna.forumeiros.com
Breno Marques



Mensagens : 3
Data de inscrição : 18/08/2017

MensagemAssunto: Breno - Professor   Sex Ago 25, 2017 10:16 am

Sua avaliação será pautada diante de sua participação e argumentação no fórum.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Brenda_Ellen



Mensagens : 1
Data de inscrição : 05/09/2017

MensagemAssunto: Brenda Ellen - 2º Ano B   Qua Set 13, 2017 5:25 pm

• “Eu seria o primeiro a romper os laços entre a vida e a morte, fazendo jorrar uma nova luz nas trevas do mundo." "Ressurreição! Sim, isso seria nada menos que o poder de ressurreição.” Comente sobre essa afirmação.

 Em minha opinião essa é uma afirmação ambiciosa com uma ideia perigosa por trás dela. Por mais que a tecnologia e ciência avancem com o tempo, trazendo melhorias na vida de todos, tentar mudar um fato tão concreto quanto a existência da morte é algo irreal.
 Dentre tantas discussões, diferentes crenças e mudanças no mundo e sua forma de pensar uma certeza prevalece: Todos morrem um dia. Não é algo confortável de pensar ou bonito de se ouvir, mas é uma das poucas regras inquebráveis nesse mundo. Acredito que “romper os laços entre a vida e a morte” não iluminaria esse mundo, apenas o tornaria um lugar mais perigoso e incerto.


• Como a busca pela razão ultrapassa os valores humanos?

 Por meios e experimentos antiéticos ou movidos puramente por interesses políticos ou comerciais a busca pela razão acaba se tornando uma coisa nociva para a sociedade e ultrapassa os valores humanos.


• Quais fundamentações filosóficas estão presentes no filme?

 O filme aborda temas filosóficos como a busca pela razão; debate os valores morais e a desconsideração deles na busca da razão e conceito de vida e existência, como Victor no fim do filme se revolta com o resultado de seu experimento implicando que um corpo sem a capacidade de pensar ou sentir não está realmente vivo.


• Victor Frankenstein é um homem devotado a ciência, sua pequena busca era a de criar a vida, é quase a busca pelo poder criador, o que comumente chamamos de "Deus". Victor queria ser a seu modo Deus criando e trazendo de volta a vida. Qual sua opinião diante da visão entre vida e morte e a possibilidade de resgatar a vida, mesmo que para isso, a ética deverá ser abalada.

 Existem poucas situações onde o abalo da ética é justificável e mesmo quando é esse abalo sempre tende a deixar alguém prejudicado de alguma forma. O resgate da vida não é uma dessas situações. Criar vida como Victor Frankenstein queria não é tarefa do homem e definitivamente não é algo necessário de ser feito por ele. Como disse anteriormente a existência da morte é algo concreto e pode ser visto também como um limite às ações do ser humano, a desconstrução desse fato só traria caos. Pessoas seriam mais inconsequentes e ou até menos éticas já que não teriam que preservar ou temer por suas vidas.



• Qual a analogia da criação de Victor Frankenstein e o mito de Prometeu?

 Durante o filme Victor Frankenstein chama sua criação de “Prometeu Moderno”, fazendo uma analogia a Prometeu, considerado na mitologia grega o titã criador da humanidade. Ele deu aos humanos conhecimento de várias áreas como matemática e medicina e depois de enganar Zeus e atrair sua fúria ele foi condenado a ter seu fígado devorado durante o dia e regenerado durante a noite para que pudesse ser comido novamente no dia seguinte.
Victor Frankenstein procurava criar algo parecido. Um ser imortal que guiaria a humanidade para uma nova era e pudesse se reerguer não importasse qual dano seu corpo sofresse.

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
luiza teixeira niero



Mensagens : 1
Data de inscrição : 13/09/2017

MensagemAssunto: Luiza Niero - 2° Ano B   Qui Set 14, 2017 7:26 am

Primeiro tópico: Ressurreição quer dizer retornar da morte para a vida; de acordo com a fé cristã, o ser humano não ressuscita de carne e osso, mas sim passa para a vida eterna. Victor (que não acredita em Deus) tentou com sua experiencia ressuscitar o corpo de um ser humano, adquirindo o poder de ressurreição.

Segundo tópico: A busca pela razão trouxe à humanidade novas tecnologias e grandes avanços; porém, quando essa busca se torna extremamente obsessiva o Homem passa por cima de seus próprios valores e trai suas virtudes, fazendo com que seu trabalho perca a ética e a credibilidade, afinal os fins não justificam os meios. Como por exemplo, os pesquisadores que mal tratam suas cobaias para o avanço de suas pesquisas.

Terceiro tópico: O fundamento de que o Homem não pode ser somente matéria, mas sim uma união de corpo e alma; como dizia Platão: o corpo é a prisão da alma. E de acordo com essa visão, o monstro de Victor não era um ser Humano completo, como o próprio Victor percebe no final do filme que sua criação não era vida pois lhe faltava a alma.

Quarto tópico: Em minha opinião a morte não é o fim de tudo, ou seja, não é o fim da vida. Na minha opinião, na grande maioria das vezes os fins não justificam os meios, então passar por cima da ética para tentar obter sucesso em alguma pesquisa tira a credibilidade do trabalho feito.

Quinto tópico: No mito, Prometeu dá a raça humana a capacidade de pensar e racionar; era exatamente isso que Victor queria dar à sua criação, ele queria que fosse um ser totalmente racional e pensante.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Héric Gabriel



Mensagens : 1
Data de inscrição : 14/09/2017

MensagemAssunto: Héric 2º A   Qui Set 14, 2017 9:40 pm

“Eu seria o primeiro a romper os laços entre a vida e a morte, fazendo jorrar uma nova luz nas trevas do mundo." "Ressurreição! Sim, isso seria nada menos que o poder de ressurreição.” Comente sobre essa afirmação.

Victor Frankenstein via em seu projeto uma grande mudança para o mundo, a partir de sua criação a morte deixaria de ser eterna e os humanos teriam o poder de ressurgir, o tabu da morte seria quebrado e ela não seria nada além de uma interrupção temporária da vida.

"Como a busca pela razão ultrapassa os valores humanos?"

Com o avanço da tecnologia, o ser humano tem desafiado as leis da natureza e os seus próprios limites, criando mutações, alterando genes e etc.

"Quais fundamentações filosóficas estão presentes no filme?

O filme nos mostra que a criação de frankestein não era um ser completo pois o mesmo não era dotado de alma


"Victor Frankeinsten é um homem devotado a ciência, sua pequena busca era a de criar a vida, é quase a busca pelo poder criador, o que comumente chamamos de "Deus". Victor queria ser a seu modo Deus criando e trazendo de volta a vida. Qual sua opinião diante da visão entre vida e morte e a possibilidade de resgatar a vida, mesmo que para isso, a ética deverá ser abalada."

A morte é mais que um fator biológico, portanto não cabe ao ser humano decidir decidir se uma pessoa morre ou não, além de que com essa invenção, vários problemas seriam agravados pela superpopulação. Porém acredito também que um dia, devido ao avanço da tecnologia, essa fronteira será quebrada, o trans-humanismo é uma consequencia e não uma opção.

"Qual a analogia da criação de Victor Frankestein e o mito de Prometeu?"

Assim como Prometeu, Victor Frankenstein estava tentando criar o seu próprio humano.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Admin
Admin


Mensagens : 6
Data de inscrição : 18/08/2017

MensagemAssunto: Re: Frankestein e a Filosofia - 2º Ano / E.M.   Sex Set 15, 2017 8:43 am

Pessoal, excelentes explanações... Peço também, para embasarem opiniões em algo acadêmico, buscando referências na Filosofia, como os filósofos empiristas estudados. Aproveito para incentivar aos colegas a participarem da discussão.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://alicenacaverna.forumeiros.com
Arthur bryan



Mensagens : 1
Data de inscrição : 15/09/2017

MensagemAssunto: Re: Frankestein e a Filosofia - 2º Ano / E.M.   Sex Set 15, 2017 10:20 am

"Eu seria o primeiro a romper os laços entre a vida e a morte, fazendo jorrar uma nova luz nas trevas do mundo." "Ressurreição! Sim, isso seria nada menos que o poder de ressurreição.” Comente sobre essa afirmação
Ele pensava que seria uma especie de Deus, por da vida aos mortos, da vida a um ser nao mais inexistente, isso iria causar uma grande revoluçao no mundo

Como a busca pela razão ultrapassa os valores humanos?
Ele tentando da vida aos mortos ele ultrapasso os limites, ele guardou um corpo morto, roubou orgãos de animais cometente crime de furto, alem de atacar policial.

Quais fundamentações filosóficas estão presentes no filme?
Os monstros criados por Victor tanto o primeiro quanto o segundo nao eram humanos por nao ter alma, por nao ter sentimento,por isso foi uma experiencia que nao deu totalmente certo. O filme tambem aborda a busca pela razão.

Victor Frankeinsten é um homem devotado a ciência, sua pequena busca era a de criar a vida, é quase a busca pelo poder criador, o que comumente chamamos de "Deus". Victor queria ser a seu modo Deus criando e trazendo de volta a vida. Qual sua opinião diante da visão entre vida e morte e a possibilidade de resgatar a vida, mesmo que para isso, a ética deverá ser abalada
Vida e morte é um dom de Deus, e nao devemos nem temos o direito de da a vida a alguem porque nao somos Deus. Victor foi errado pensando que poderia da a vida a alguem ja morte, mas ele eaqueceu que ele nao era Deus.

Qual a analogia da criação de Victor Frankestein e o mito de Prometeu
Victor tentava criar seu proprio homem; seu proprio ser humano, victor so nao conseguiu que sua criaçao fosse um ser totalmente racional e pensante.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Marluce Maria



Mensagens : 1
Data de inscrição : 18/09/2017

MensagemAssunto: Marluce Maria - 2° B   Seg Set 18, 2017 6:33 pm

Primeira Questão: Em minha opinião essa afirmação é contraditória, pois o autor dela diz que seria o primeiro a romper os laços entre a vida e a morte, mas a morte é uma fase da vida de todos, algo que sempre ocorreu. Frankenstein queria criar vida após a morte por ambição de querer ser mais poderoso que Deus. Não é a morte que escurece o mundo, mas sim a ambição de pessoas quererem ser melhores que outras.

Segunda Questão: A busca pela razão ultrapassa os valores humanos quando coloca em risco as pessoas ou tem apenas o intuito de obter poder e não de ajudar os outros. Como ocorre no filme, Frankenstein mata seu próprio amigo para pegar pedaços de seu corpo e montar um outro ser e também coloca a vida dos outros em risco ao soltar esse ser pela cidade.

Terceira Questão: O Iluminismo que tinha como princípio o uso da razão, caracterizado por explicar os fenômenos naturais e a própria crença religiosa. No filme o Iluminismo é percebido quando Victor tenta provar vida após a morte. O Existencialismo também é mostrado, quando a criatura ao falhar em dar sentido a própria vida e dar motivo para sua existência tenta destruir a vida à sua volta.

Quarta Questão: Criar vida após a morte não significa que esse ser criado irá viver, talvez ele possa apenas existir. Em minha opinião quem existiu muito não significa que viveu, pois para viver tem que fazer com que sua existência torne algo bom para a sociedade. Como dizia o filósofo Immanuel Kant: "Se vale a pena viver e se a morte faz parte da vida, então, morrer também vale a pena".

Quinta Questão: Prometeu foi o titã criador da humanidade, ele tornava as pessoas poderosas, ensinando-lhes várias habilidades.
Prometeu e Victor queriam ter um poder supremo, sendo que existe um criador e nenhum homem recebe esse direito e conhecimento para se opor aos seres divinos.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Álefe Samuel



Mensagens : 1
Data de inscrição : 18/09/2017

MensagemAssunto: Re: Frankestein e a Filosofia - 2º Ano / E.M.   Seg Set 18, 2017 7:15 pm

Eu seria o primeiro a romper os laços entre a vida e a morte, fazendo jorrar uma nova luz nas trevas do mundo." "Ressurreição! Sim, isso seria nada menos que o poder de ressurreição.” Comente sobre essa afirmação.

-Essa é uma frase ambiciosa com o propósito de realizar algo benéfico, porém na frase não existe um pensamento sobre as consequências do ato da ressurreição, e deixa de lado o fato de que a morte faz parte do ciclo da vida e é necessária para darmos valor a nossa existência.

Como a busca pela razão ultrapassa os valores humanos?

-Para o ser humano, a partir do momento em que busca a razão ;a explicação tudo, deixa sua essência de lado . Pelo motivo de que ele não aceita alguns fatos de sua existência , o mesmo procura a explicação para tudo.

Quais fundamentações filosóficas estão presentes no filme?


-O pensamento de Platão , onde dizia que o corpo é a prisão da alma, o homem pela busca da razão, o conceito de vida

Victor Frankeinsten é um homem devotado a ciência, sua pequena busca era a de criar a vida, é quase a busca pelo poder criador, o que comumente chamamos de "Deus". Victor queria ser a seu modo Deus criando e trazendo de volta a vida. Qual sua opinião diante da visão entre vida e morte e a possibilidade de resgatar a vida, mesmo que para isso, a ética deverá ser abalada.

-Em minha opinião, só Deus tem o direito de criar vida e a partir do momento que a morte não é respeitada, e a criação de Deus é profanada , não se torna algo belo, mas sim algo sem alma e sem sentimentos.

Qual a analogia da criação de Victor Frankestein e o mito de Prometeu?

-Como na mitologia, Prometeus deu á raça humana inteligência e Victor queria fazer o mesmo, porém criando vida.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Fenando Otávio



Mensagens : 1
Data de inscrição : 20/09/2017

MensagemAssunto: Re: Frankestein e a Filosofia - 2º Ano / E.M.   Qua Set 20, 2017 5:10 pm

• “Eu seria o primeiro a romper os laços entre a vida e a morte, fazendo jorrar uma nova luz nas trevas do mundo." "Ressurreição! Sim, isso seria nada menos que o poder de ressurreição.” Comente sobre essa afirmação.

Isso é apenas uma afirmação ambiciosa querendo justificar um feito, que na opinião de muitos é errado e totalmente desnecessário, quando Viktor Frankestein fala isso ele está apenas querendo justificar o seu feito.



• Como a busca pela razão ultrapassa os valores humanos?

Como um exemplo visto mesmo no filme o Dr. Frankestein preferiu ignorar todos que disseram que tentar criar a vida após a morte era errado, ultrapassando assim os valores humanos para uma busca pela razão.



• Quais fundamentações filosóficas estão presentes no filme?

Busca pela razão, presente no iluminismo; Questiona os valores criados pela sociedade com o decorrer do tempo, e dá mais valor a razão do que a um valor cultural.



• Victor Frankeinsten é um homem devotado a ciência, sua pequena busca era a de criar a vida, é quase a busca pelo poder criador, o que comumente chamamos de "Deus". Victor queria ser a seu modo Deus criando e trazendo de volta a vida. Qual sua opinião diante da visão entre vida e morte e a possibilidade de resgatar a vida, mesmo que para isso, a ética deverá ser abalada.

Se isso fosse realmente possível, seria totalmente errado e desumano iria contra os valores morais e até mesmo científicos, então eu sou totalmente contra essa tentativa de resgatar a vida após a morte.

• Qual a analogia da criação de Victor Frankestein e o mito de Prometeu?

Prometeu é punido por dar a raça humana o fogo de héstia, ou seja por dar ao homem o poder de pensar e raciocinar bem como lhes transmitiu as maiores aptidões e ofícios. Eu vejo como no filme que o mito se encaixa no poder que Prometeu dando aos humanos sendo comparado com a criação de Victor Frankestein e sua aptidão para criá-la.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Leticia Guimaraes Rufino



Mensagens : 1
Data de inscrição : 20/09/2017

MensagemAssunto: Victor Frankenstein   Qua Set 20, 2017 5:36 pm

Eu seria o primeiro a romper os laços entre a vida e a morte, fazendo jorrar uma nova luz nas trevas do mundo." "Ressurreição! Sim, isso seria nada menos que o poder de ressurreição.” Comente sobre essa afirmação.

Victor Frankenstein era um homem ambicioso,que tinha um desespero muito grande por um projeto que valesse a pena,sua ambição o cegou tanto que ele quis fazer o impossível,a ressurreição,a qual ele não tem o controle e sabe disso.
-------------------------------------------------------------------------------
Como a busca pela razão ultrapassa os valores humanos?

Um exemplo no filme,Victor usa o corpo morto de seu amigo para poder utiliza-lo em seu projeto,ele deixou suas emoções de lado para seguir firme em o que ele acha que será o certo e necessário,mais uma vez,sua ambição falou mais alto.
----------------------------------------------------------------------------------
Quais fundamentações filosóficas estão presentes no filme?

O filosofo Rene Descartes explica:“Afasta-te de todas as impressões dos sentidos e da imaginação, e crê apenas na tua razão.”
Foi o que aconteceu com Frankenstein,a busca pela própria razão,a qual é posto em pratica no filme em todos os momentos.
A razão é importante porque é através dela que se chega a verdade, de acordo com os filósofos clássicos (Sócrates, Platão e Aristóteles).
------------------------------------------------------------------------------------
Victor Frankenstein é um homem devotado a ciência, sua pequena busca era a de criar a vida, é quase a busca pelo poder criador, o que comumente chamamos de "Deus". Victor queria ser a seu modo Deus criando e trazendo de volta a vida. Qual sua opinião diante da visão entre vida e morte e a possibilidade de resgatar a vida, mesmo que para isso, a ética deverá ser abalada.

Em minha opinião,a vida e a morte é um ciclo a qual todos iremos passar e que no final teremos um aprendizado,não há nada que possamos fazer para mudar isso e o fato de não termos as respostas para todas as perguntas existentes,podem nos confundir e afetar nossa capacidade mental de conviver com a duvida.

------------------------------------------------------------------------------------
Qual a analogia da criação de Victor Frankenstein e o mito de Prometeu?

De acordo com a mitologia,Prometeu deu a raça humana o poder de pensar e raciocinar e Victor deu uma vida sem alma e poderes pensantes
Dois seres que não tinham esse direito,mas sim a vontade de criação.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
ANA TEREZA



Mensagens : 1
Data de inscrição : 20/09/2017

MensagemAssunto: ANA TEREZA   Qua Set 20, 2017 6:13 pm

QUESTÃO 1- A ambição de ter o poder da ressurreição.
Questão 2- com humano desafiando Deus e a natureza querendo ser o Deus o todo poderoso.
Questão 3- o filme mostra que ele não tinha alma então era um ser completo ''não era humano''.
Questão 4- só Deus pode criar vida ele queria esse poder de criar a vida ele queria ser o todo poderoso.
Questão 5 -Assim como Prometeus Victor queria criar vida e criar seu próprio humano mas o homem que ele criou não era um ser racional e pensante então ele não conseguiu criar um ''homem completo''.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Eduarda



Mensagens : 1
Data de inscrição : 06/09/2017

MensagemAssunto: Eduarda Antunes    Qua Set 20, 2017 7:41 pm

Eduarda Antunes 2B

Primeira: Morte é o que todos têm certeza que vai chegar um dia, tentar mudar isso só vai piorar a situação, pois as pessoas vão achar que podem ser melhores do que Deus, quando elas tentam ser mais espertas acabam destruindo tudo e não vivendo.




Segunda: Os valores humanos seriam instituídos pelas pessoas,ou seja,são criados, então não dá para serem impostos pra sociedade como verdade absoluta,como a razão verdadeira. Essa busca pode prejudicar os outros, porque muitas vezes as pessoas não se importam com o que irá acontecer com os outros, só querem completar seus objetivos.


Terceira: O racionalismo está presente no filme, pois ele prioriza a razão como caminho para se alcançar a verdade, o que Victor faz.



Quarta: Para mim as pessoas devem entender que a morte acontece, temos que aproveitar a vida enquanto ela não chega e não há o que fazer para querer ressuscitar uma pessoa. Temos que entender que um dia ela irá chegar.




Quinta: Prometeu queria deixar as pessoas mais poderosas e Victor queria fazer a mesma coisa criando uma pessoa.


Última edição por Eduarda em Sex Set 22, 2017 11:47 am, editado 2 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Thalles



Mensagens : 1
Data de inscrição : 21/09/2017

MensagemAssunto: Re: Frankestein e a Filosofia - 2º Ano / E.M.   Qui Set 21, 2017 5:39 pm

Thalles Santiago 2A

• “Eu seria o primeiro a romper os laços entre a vida e a morte, fazendo jorrar uma nova luz nas trevas do mundo." "Ressurreição! Sim, isso seria nada menos que o poder de ressurreição.” Comente sobre essa afirmação.
Ao ter essa idéia de ressurreição tem como objetivo trazer benefícios,más não há um pensamento na conseqüência que poderá acontecer depois e por isso essa frase é perigosa.
• Como a busca pela razão ultrapassa os valores humanos?
Victor ignorou todos que acharam seu experimento uma coisa louca e assim ultrapassando os valores humanos para uma busca da razão.
• Quais fundamentações filosóficas estão presentes no filme?
Racionalismo pois ele usa sua razão para alcançar onde quer(ele acredita ser a verdade)
• Victor Frankenstein é um homem devotado a ciência, sua pequena busca era a de criar a vida, é quase a busca pelo poder criador, o que comumente chamamos de "Deus". Victor queria ser a seu modo Deus criando e trazendo de volta a vida. Qual sua opinião diante da visão entre vida e morte e a possibilidade de resgatar a vida, mesmo que para isso, a ética deverá ser abalada.
A morte é algo que sempre chega para todos algum dia e isso deve ser aceitado,se as pessoas soubessem que poderiam ser ressuscitadas seriam mais inconseqüentes ou até menos éticas já que não teriam que preservar ou temer por suas vidas
• Qual a analogia da criação de Victor Frankenstein e o mito de Prometeu?
Durante o filme Victor Frankenstein chama sua criação de “Prometeu Moderno”, fazendo uma analogia a Prometeu, considerado na mitologia grega o titã criador da humanidade. Ele deu aos humanos conhecimento de várias áreas como matemática e medicina e depois de enganar Zeus e atrair sua fúria ele foi condenado a ter seu fígado devorado durante o dia e regenerado durante a noite para que pudesse ser comido novamente no dia seguinte.
Victor Frankenstein procurava criar algo parecido. Um ser imortal que guiaria a humanidade para uma nova era e pudesse se reerguer não importasse qual dano seu corpo sofresse.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Paola cruz



Mensagens : 1
Data de inscrição : 20/09/2017

MensagemAssunto: Re: Frankestein e a Filosofia - 2º Ano / E.M.   Qui Set 21, 2017 6:55 pm

•“Eu seria o primeiro a romper os laços entre a vida e a morte, fazendo jorrar uma nova luz nas trevas do mundo." "Ressurreição! Sim, isso seria nada menos que o poder de ressurreição.” Comente sobre essa afirmação.

Em minha opinião a afirmação, trata-se de um homem tentar romper as leis da natureza e com os princípios assim deixado por Deus ; Victor tentava com a ajuda da ciências fazer com que a ressurreição se tornasse possível, achando que se ele conseguisse tal feito se tornaria um "deus".


•Como a busca pela razão ultrapassa os valores humanos?

A busca pela razão ultrapassou os valores humanos,pois procura o raciocínio que conduz á indução ou dedução de algo , podendo assim julgar as causas e origens .


Quais fundamentações filosóficas estão presentes no filme?

Os fundamentos filosóficos presentes , é a busca pela razão , e da tentativa de criação de um ser sem alma .


Victor Frankeinsten é um homem devotado a ciência, sua pequena busca era a de criar a vida, é quase a busca pelo poder criador, o que comumente chamamos de "Deus". Victor queria ser a seu modo Deus criando e trazendo de volta a vida. Qual sua opinião diante da visão entre vida e morte e a possibilidade de resgatar a vida, mesmo que para isso, a ética deverá ser abalada.

Em minha opinião a partir do momento em que a ética foi perdida ,com ela o caráter de Victor também ,pois de nada adianta tentar criar algo rompendo assim os princípios e normas relacionados a ética e a moral .


Qual a analogia da criação de Victor Frankestein e o mito de Prometeu?

A analogia entre Victor Frankenstein e o mito de prometeu , possui história parecidas pois na mitologia prometeu foi um titã designado a tarefa dada por zeus, para dar habilidade para cada ser vivo , e para o homem ele deu o poder de pensar e raciocinar , logo após prometeu com a intenção de beneficiar a humanidade roubou o fogo do olímpo ; e por isso foi castigado. O mesmo ocorre com Victor tentando dar a vida aquilo que já está morto .
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Matheus Marques



Mensagens : 1
Data de inscrição : 21/09/2017

MensagemAssunto: Matheus Marques 2-A   Qui Set 21, 2017 7:06 pm


  • “Eu seria o primeiro a romper os laços entre a vida e a morte, fazendo jorrar uma nova luz nas trevas do mundo." "Ressurreição! Sim, isso seria nada menos que o poder de ressurreição.” Comente sobre essa afirmação.

Esse pensamento nos mostra a busca do homem pelo poder, um poder que nenhum outro jamais conseguiu. Uma palavra que resume toda essa frase é a ambição, que no filme, Victor é ambicioso e isso o deixa cego a ponto de não conseguir ver as consequências que sua criação poderia causar. Uma citação que retrata bem o assunto é a de Henry Ford, um importante engenheiro americano: "Mas a ambição do homem é tão grande que, para satisfazer uma vontade presente, não pensa no mal que daí a algum tempo pode resultar dela."


  • Como a busca pela razão ultrapassa os valores humanos?

Uma pessoa quando quer provar algo ela faz de tudo para que isso aconteça, até ignorando os limites éticos e morais. Experimentos nazistas exemplificam essa busca obsessiva pela razão, um desses cruéis feitos está o de congelamento onde as vítimas, com termômetros inseridos no ânus, eram mergulhadas em água quase congelando ou colocadas nuas no gelo para calcular a resistência máxima do ser humano ao frio. Mesmo após a morte, os experimentos continuavam: eram testados métodos de reanimação.


  • Quais fundamentações filosóficas estão presentes no filme?

A busca pela razão sem pensar nas suas consequências é a base filosófica do filme. Está frase de René Descartes me chama bastante atenção por se assemelhar ao assunto: "Não há nada no mundo que esteja melhor repartido do que a razão: toda a gente está convencida de que a tem de sobra."


  • Victor Frankeinsten é um homem devotado a ciência, sua pequena busca era a de criar a vida, é quase a busca pelo poder criador, o que comumente chamamos de "Deus". Victor queria ser a seu modo Deus criando e trazendo de volta a vida. Qual sua opinião diante da visão entre vida e morte e a possibilidade de resgatar a vida, mesmo que para isso, a ética deverá ser abalada.


Minha opinião é que isso é algo bastante delicado, e que, não se pode trazer alguém de novo a vida já que está desrespeitando a própia pessoa, mesmo ela estando morta, e nós homens temos certos limites que é importante entendermos e respeitarmos.


  • Qual a analogia da criação de Victor Frankestein e o mito de Prometeu?

Prometeu concedeu ao ser humano o poder de pensar e raciocinar. A relação que vejo com o filme é que Victor tenta criar um humano que consiga pensar e raciocinar.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Hallan Queiroz



Mensagens : 1
Data de inscrição : 21/09/2017

MensagemAssunto: Hallan Queiroz 2A   Qui Set 21, 2017 7:29 pm

• “Eu seria o primeiro a romper os laços entre a vida e a morte, fazendo jorrar uma nova luz nas trevas do mundo." "Ressurreição! Sim, isso seria nada menos que o poder de ressurreição.” Comente sobre essa afirmação.
Ao ter essa idéia de ressurreição tem como objetivo trazer benefícios,más não há um pensamento na conseqüência que poderá acontecer depois e por isso essa frase é perigosa.
• Como a busca pela razão ultrapassa os valores humanos?
Victor ignorou todos que acharam seu experimento uma coisa louca e assim ultrapassando os valores humanos para uma busca da razão.
• Quais fundamentações filosóficas estão presentes no filme?
Racionalismo pois ele usa sua razão para alcançar onde quer(ele acredita ser a verdade)
• Victor Frankenstein é um homem devotado a ciência, sua pequena busca era a de criar a vida, é quase a busca pelo poder criador, o que comumente chamamos de "Deus". Victor queria ser a seu modo Deus criando e trazendo de volta a vida. Qual sua opinião diante da visão entre vida e morte e a possibilidade de resgatar a vida, mesmo que para isso, a ética deverá ser abalada.
A morte é algo que sempre chega para todos algum dia e isso deve ser aceitado,se as pessoas soubessem que poderiam ser ressuscitadas seriam mais inconseqüentes ou até menos éticas já que não teriam que preservar ou temer por suas vidas
• Qual a analogia da criação de Victor Frankenstein e o mito de Prometeu?
Durante o filme Victor Frankenstein chama sua criação de “Prometeu Moderno”, fazendo uma analogia a Prometeu, considerado na mitologia grega o titã criador da humanidade. Ele deu aos humanos conhecimento de várias áreas como matemática e medicina e depois de enganar Zeus e atrair sua fúria ele foi condenado a ter seu fígado devorado durante o dia e regenerado durante a noite para que pudesse ser comido novamente no dia seguinte.
Victor Frankenstein procurava criar algo parecido. Um ser imortal que guiaria a humanidade para uma nova era e pudesse se reerguer não importasse qual dano seu corpo sofresse.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Isadora Cristina Vieira R



Mensagens : 1
Data de inscrição : 01/09/2017

MensagemAssunto: Isadora Cristina 2ºA   Qui Set 21, 2017 7:35 pm

1º tópico:
Como seu amigo falou várias vezes durante o filme, Victor estava querendo brincar de Deus, sendo o primeiro a dar a vida á algo que já foi morto, rompendo assim o ciclo natural da vida de nascer (da terra mesmo que indiretamente), crescer, reproduzir e morrer (voltando para a terra)

2º tópico:
A busca de Victor pela poder da ressurreição ultrapassa todo e qualquer valor humano pois além de ir contra o ciclo natural da vida, invade a privacidade e desrespeita o corpo da pessoa morta e também de seus familiares. Além disso, a busca pela razão/verdade baseando-se sempre na ciência pode ferir valores humanos e religiosos.

3º tópico:
A busca pela razão/verdade baseada na ciência absoluta;
A tentativa e falha de criar um ser constituído apenas de matéria (o corpo) sem alma e energia.

4º tópico:
Não se deve ir contra a natureza. O desafio de trazer vida á um corpo morto através da ciência pode ser "bem sucedida", mas a alma e a essência do corpo nunca poderá ser restaurada, criando assim um ser incapaz de pensar e viver em sociedade.

5º tópico:
O mito do Promoteu fala que com a ajuda de Zeus, criaram a humidade capaz de pensar e raciocinar. Já Victor que era humano e não um deus poderoso e imortal não conseguiria o feito através de simples ferramentas humanas.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Yasmin M.A.Mayrlechner



Mensagens : 1
Data de inscrição : 21/09/2017

MensagemAssunto: Yasmin Mayrlechner 2° A    Qui Set 21, 2017 7:44 pm

“Eu seria o primeiro a romper os laços entre a vida e a morte, fazendo jorrar uma nova luz nas trevas do mundo." "Ressurreição! Sim, isso seria nada menos que o poder de ressurreição.” Comente sobre essa afirmação.

O pensamento mostrado acima,indica uma busca de Victor pelo poder de controlar vida e morte.Podemos afirmar que ele é um pessoa muito ambiciosa e isso o deixa cego do mundo real levando a acreditar que todos os seus planos e pesquisas iriam dar certo sem nenhuma consequência ruim e sim o controle do poder de ressurreição.


Como a busca pela razão ultrapassa os valores humanos?

O ser humano tem um querer muito grande em provar algo que seria impossível,levando-o a ultrapassar os limites dos valores humanos,como passar por cima da vida das pessoas .Uma grande prova disso são as ditaduras militares e o nazismo.


Quais fundamentações filosóficas estão presentes no filme?


A busca pela razão,maneira em que um ser humano pode ficar cego ao buscar algo impossível,sem pensar nas consequências que isso trará para ele e para a sociedade.


Victor Frankeinsten é um homem devotado a ciência, sua pequena busca era a de criar a vida, é quase a busca pelo poder criador, o que comumente chamamos de "Deus". Victor queria ser a seu modo Deus criando e trazendo de volta a vida. Qual sua opinião diante da visão entre vida e morte e a possibilidade de resgatar a vida, mesmo que para isso, a ética deverá ser abalada.


Em minha opinião isso é algo impossivel.Não se pode trazer alguém que faleceu a vida de novo,além de ser algo desrespeitoso para a pessoa,temos que entender que nem tudo é possivel e que a morte é um limite que não vamos saber como ultrapassar.


Qual a analogia da criação de Victor Frankestein e o mito de Prometeu?

O filme mostra Victor tentando criar um ser humano que pense e consiga raciocinar,sua relação com o mito é que Prometeu concedeu aos seres humanos o poder de pensar e raciocinar.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Beatriz Freitas



Mensagens : 1
Data de inscrição : 21/09/2017

MensagemAssunto: Beatriz Freitas - 2ºA    Qui Set 21, 2017 7:48 pm

“Eu seria o primeiro a romper os laços entre a vida e a morte, fazendo jorrar uma nova luz nas trevas do mundo." "Ressurreição! Sim, isso seria nada menos que o poder de ressurreição.” Comente sobre essa afirmação.

A afirmação retrata um ambiente aonde Victor rompe os limites naturais da vida, ou seja ele criou vida de onde não tinha, ele rompeu um limite que existe entre a vida e a morte.

Como a busca pela razão ultrapassa os valores humanos?

A busca pela razão ultrapassa os valores quando ele faz de tudo para provar que tem razão, ultrapassando qualquer limite ético, podemos ver isso quando Victor decide dar vida a um ser morto, aonde ele monta uma criatura jamais vista.

Quais fundamentações filosóficas estão presentes no filme?

A busca pela razão de Victor, aonde ele ultrapassa todos os limites éticos.


Victor Frankeinsten é um homem devotado a ciência, sua pequena busca era a de criar a vida, é quase a busca pelo poder criador, o que comumente chamamos de "Deus". Victor queria ser a seu modo Deus criando e trazendo de volta a vida. Qual sua opinião diante da visão entre vida e morte e a possibilidade de resgatar a vida, mesmo que para isso, a ética deverá ser abalada.

Minha opinião sobre quem tenta quebrar o elo entre a vida e a morte, a pessoa tenta assumir um papel de ''Deus" aonde não é correto, pois devemos respeitar os limites éticos da sociedade para não ofender outras pessoas nas quais creem em Deus.

Qual a analogia da criação de Victor Frankestein e o mito de Prometeu?

A relação entre Victor e o mito de prometeu é que ambos procuravam mais para sociedade, Victor criando uma vida em um ser morto, capaz de pensar e Prometeu dando o raciocínio para os humanos, ambos tinham vontade de criar mas desafiaram limites impostos a eles.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
viniciuspimentel



Mensagens : 1
Data de inscrição : 14/09/2017

MensagemAssunto: Vinícius Pimentel   Qui Set 21, 2017 7:51 pm

Primeiro Tópico: Com a ideia de se romper o laço entre a vida e a morte, Victor tenta quebrar o Ciclo da vida, criando um ser sem alma a partir de junção de corpos. A ideia de jorrar uma nova luz nas trevas do mundo, também é um indicio a quebra do Ciclo da vida.
Segundo Tópico:A busca pela razão, ou pelo conhecimento ultrapassa os valores humanos, quando em sí, o ser humano quer mudar o tempo, o espaço e a realidade, quer parar um ciclo natural ou o alterar. A ideia de dar vida a algo é uma ideia de mudança no ciclo natural.
Terceiro Tópico:Valores morais em questão das ações feitas por Victor, o conceito de "Vivo", quando Victor percebe ao ponto em que chegou ele diz que o que ele criou era algo, não uma vida humana, pois não possuía alma e com isso não preencheria o vazio de seu coração.
Quarto Tópico: A questão de acabar com a morte, atualmente é questão de tempo, o ser humano vem evoluindo ao passar dos anos, com isso adquirindo novos conhecimentos e os aprimorando, com a evolução humana e sua sabedoria, o que antes era loucura pode se tornar real, como por exemplo, a imortalidade. Para mim é algo que deve ser feito e estudado, mentes que já se foram poderiam esclarecer fatores atuais ou ajudar a desvenda-los.
Quinto Tópico: Zeus tirou algo importante para os humanos, e Prometeu o roubou e devolveu aos humanos, com isso foi punido. Podemos levar como analogia que Victor deseja dar a vida ou criar vida a algo ou alguém que a perdeu, mesmo que tenha que quebrar os valores éticos e morais.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Maria Theresa Melo Leão



Mensagens : 1
Data de inscrição : 21/09/2017

MensagemAssunto: Re: Frankestein e a Filosofia - 2º Ano / E.M.   Qui Set 21, 2017 7:54 pm

Maria Theresa, 2° A

"Eu seria o primeiro a romper os laços entre a vida e a morte, fazendo jorrar uma nova luz nas trevas do mundo." "Ressurreição! Sim, isso seria nada menos que o poder de ressurreição.” Comente sobre essa afirmação.
-Resposta: Victor, desde o começo do filme, se mostra ambicioso e irredutível na ideia de trazer vida aquilo que já não vive mais, sob minha perspectiva, ele tem Complexo de Deus, significa que ele  é extremamente arrogante, pode considerar a si mesmo infalível e pode tentar controlar ou manipular outras pessoas, alguém com complexo de Deus também pode ser propenso a se irritar  quando as coisas não vão sua maneira, ele pode também tentar exercer uma grande influência em vários assuntos e saboreia ter poder, autoridade e controle. Quando ele obtém a ajuda de Igor, o manipula para assim entender como operar a volta á vida.

Como a busca pela razão ultrapassa os valores humanos?
-Resposta: Os seres humanos são uma mistura de emoções, sentimentos e pensamentos. Todos esses elementos formam uma unidade única que resulta em um modo de ser e agir na vida. Podemos dizer que somos razão e emoção. Duas forças diferentes que muitas vezes apontam para o mesmo caminho, mas outras vezes são contrárias e nos obrigam a tomar uma decisão. Temos a opção de seguir “nosso coração” ou fazer uma lista de “prós e contras”. Victor, estava tão empenhado em trazer a criatura de volta que não mediu as consequências, ele deixou ambição e fome pelo poder de dar a vida que ficou cego e não viu o que causou.

Quais fundamentações filosóficas estão presentes no filme?
-Resposta:  O racionalismo é a base do filme, pois ele prioriza a razão como caminho para se alcançar a verdade, cujo único caminha que Victor acha ser o certo, ele fecha sua mente para outras emoções, não se dando conta do que criou, ele acha que a criatura vai voltar a vida como se ela nunca tivesse morrido.

Victor Frankeinsten é um homem devotado a ciência, sua pequena busca era a de criar a vida, é quase a busca pelo poder criador, o que comumente chamamos de "Deus". Victor queria ser a seu modo, Deus criando e trazendo de volta a vida. Qual sua opinião diante da visão entre vida e morte e a possibilidade de resgatar a vida, mesmo que para isso, a ética deverá ser abalada.
-Resposta: Em meus pensamentos, sempre acredito que aqueles que já faleceram, se foram porque já cumpriram seu objetivo nesta vida. Quando me vem à mente a ideia de poder ressucitar,é um pouco contraditório pois a alma ja se foi, entao o que sobrou foi apenas o corpo físico.

Qual a analogia da criação de Victor Frankenstein e o mito de Prometeu?
-Resposta: Como diz o mito de Prometeu: "Foi atribuido a Prometeu e a seu irmão Epimeteu, a criação da raça humana e dos animais. Feitos de barro de terra e água, a criação humana recebia de Prometeu o sopro divino com o ar. Prometeu "o que pensa antes"; Epimeteu "o que pensa depois", Victor se sente no poder que devolver á vida, para aqueles que já se foram.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
brenolimaramos



Mensagens : 1
Data de inscrição : 21/09/2017

MensagemAssunto: Re: Frankestein e a Filosofia - 2º Ano / E.M.   Qui Set 21, 2017 8:57 pm

Admin escreveu:
SHELLEY, Mary. Franskenstein.

Sinopse

   A princípio, tratava-se de um pequeno conto sobre um jovem estudante suíço que ambicionava criar um ser ideal, injetando vida a um corpo morto. Mais tarde, transformado em romance, tornou-se um marco na literatura do gênero. Frankenstein ou o Moderno Prometeu (Frankenstein; or the Modern Prometheus, no original em inglês), mais conhecido simplesmente por Frankenstein, é um romance de terror gótico com inspirações do movimento romântico, de autoria de Mary Shelley, escritora britânica nascida em Londres. O romance relata a história de Victor Frankenstein, um estudante de ciências naturais que constrói um monstro em seu laboratório. Mary Shelley escreveu a história quando tinha apenas 19 anos, entre 1816 e 1817, e a obra foi primeiramente publicada em 1818, sem crédito para a autora na primeira edição. Atualmente costuma-se considerar a versão revisada da terceira edição do livro, publicada em 1831, como a definitiva. O romance obteve grande sucesso e gerou todo um novo gênero de horror, tendo grande influência na literatura e cultura popular ocidental. (fonte : Skoob)
Diante da obra citada e a adaptação cinematográfica (2015) exibido em sala de aula, argumente neste fórum sobre os seguintes tópicos:


  • “Eu seria o primeiro a romper os laços entre a vida e a morte, fazendo jorrar uma nova luz nas trevas do mundo." "Ressurreição! Sim, isso seria nada menos que o poder de ressurreição.” Comente sobre essa afirmação.

Victor queria revolucionar a ciência e desta forma atacava os preceitos religiosos cristãos, no qual a ressurreição, o rompimento dos laços entre a vida e a morte até aquele momento era algo inimaginável. Como Copérnico e Giordano Bruno e outros grandes cientistas, estudiosos e pensadores, Victor queria mostrar que até aquele momento algo não bem recebido pela igreja poderia vir a acontecer, e por essa ambição de Victor da vida após a morte ele foi tão "perseguido" e criticado.

[*]Como a busca pela razão ultrapassa os valores humanos?
[/list]
A busca pela razão trás seu benefícios, a tecnologia contribui de uma forma cada vez mais para a humanidade mas chega um ponto em que isso ultrapassa seus limites. Limites esses da natureza, da alma, da fé das pessoas, a partir do momento como no exemplo do filme as pessoas querem a partir da razão mudar algo natural e já "aceito" pelas pessoas.
“O último esforço da razão é reconhecer que existe uma infinidade de coisas que a ultrapassam.” -Blaise Pascal


  • Quais fundamentações filosóficas estão presentes no filme?

A principal fundamentação filosófica que fica evidente no filme é a busca e o uso da razão. Em Platão a razão é a ideia que fundamenta o mundo, ideia essa mantida por Aristóteles no mundo das ideias. Para os racionalistas, como René Descartes, o conhecimento verdadeiro é puramente intelectual.
Victor também percebeu que mesmo com toda sua intelectualidade com toda a razão o seu "monstro" não tinha alma como já dizia Platão: O corpo é a prisão da alma.


  • Victor Frankeinsten é um homem devotado a ciência, sua pequena busca era a de criar a vida, é quase a busca pelo poder criador, o que comumente chamamos de "Deus". Victor queria ser a seu modo Deus criando e trazendo de volta a vida. Qual sua opinião diante da visão entre vida e morte e a possibilidade de resgatar a vida, mesmo que para isso, a ética deverá ser abalada.

Em minha opinião essa possibilidade de resgatar a vida não seria impossível mesmo que ela seja contrário ao que me foi ensinado, a questão da ética ser abalada muitas vezes acontece mas isso deve ser levado e moldado de uma forma menos expressante. Acredito que podemos ganhar muito com a razão e sei também que a fé é necessária, então essa é uma vida de mão dupla e essas mão devem anda juntas.
“Afasta-te de todas as impressões dos sentidos e da imaginação, e crê apenas na tua razão.” René Descartes


  • Qual a analogia da criação de Victor Frankestein e o mito de Prometeu?

    Victor como Prometeu queria de alguma forma fazer e deixar na terra sua criação, criação essa feita a partir de "um" corpo mas com a falta de uma alma, alma essa que no caso de Prometeu foi dada a sua criação a partir do conhecimento que a elas foi oferecido.


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Henrique de Macedo-2º B



Mensagens : 1
Data de inscrição : 21/09/2017

MensagemAssunto: Henrique de Macedo-2 AnoB   Qui Set 21, 2017 9:44 pm

Primeiro Tópico: Em minha opinião,a sociedade sempre foi educada a pensar que um dia nós partiremos para algum lugar,que há ou não vida após a morte.É algo muito complicado de se disser se é certo ou errado,alguns dizem que é ruim pelo fato que a Imortalidade(ressurreição) pode fazer as pessoas chegarem a um estado de loucura,pois a vida não teria um ''objetivo'' a se seguir,todos fariam as mesmas coisas e não se importariam com o amanha.Porém acho que no começo do filme,a linha de raciocínio de Victor era coerente,na questão de um homem ser assassinado e poder voltar a vida para julgar o assassino,se isso realmente fosse o objetivo central e unico dele,acharai excelente,quantas pessoas importantes foram mortas a atentados,ou cidadãos de bem,que futuramente seriam influencia para muitos foram mortos.

Segundo Tópico: A partir do tempo,a tecnologia vai se aprimorando,fazendo com que os cientistas tentem provar coisas mais complexas.Porém isso ao mesmo tempo,faz com que eles tenham uma obsessão em conseguir justificar tudo a nossa vida ou fazer tudo ser possivel,resultando em quebrar seus próprios valores.

Terceiro Tópico: A busca da razão,idêntico ao Iluminismo,pelo fato de Victor tentar provar coisas não pela fé e sim por experiencias.

Quarto Tópico: Como disse no primeiro topico e complementando aqui: Acho que depende da forma e pelo porque você vai ressuscitar alguém.Se for o caso de uma pessoa ser assassinada e ter a chance de levar o assassino a justiça,é aceitavel,porém sem precisar usar corpos de terceiros ou cobaias.Mas se for um caso de alguém que morreu por velhice,acho inaceitável,pois isso é uma lei da vida,a imortalidade faria com que a pessoa não valorizasse suas metas de vida..

Quinto Tópico: Foi prometeu que criou a sociedade,as tornando poderosas a partir de ensinamentos.Tanto Victor como Prometeu queriam se tornar um ''Deus'' na sociedade,alguém que comandaria a vida e a morte das pessoas.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
gchiucchi



Mensagens : 1
Data de inscrição : 21/09/2017

MensagemAssunto: Giulia Chiucchi 2ºA   Qui Set 21, 2017 10:30 pm

“Eu seria o primeiro a romper os laços entre a vida e a morte, fazendo jorrar uma nova luz nas trevas do mundo." "Ressurreição! Sim, isso seria nada menos que o poder de ressurreição.” Comente sobre essa afirmação.

Esta é uma afirmação que exala ambição, ambição de poder, porém um poder considerado divino (dar e tirar a vida) que jamais deveria ser concebido à um humano, então para poder quebrar esse paradigma de que só um Deus pode ter tal poder, Victor sonhou alto eliminando as possibilidades de falhas ocorrerem de seu pensamento.


Como a busca pela razão ultrapassa os valores humanos?

Esse limite é ultrapassado assim que se tenta mudar o imutável e quando é necessário sacrificar vidas para atingir a razão.


Quais fundamentações filosóficas estão presentes no filme?

O filme é inteiramente baseado sob o conceito de racionalismo.


Victor Frankeinsten é um homem devotado a ciência, sua pequena busca era a de criar a vida, é quase a busca pelo poder criador, o que comumente chamamos de "Deus". Victor queria ser a seu modo Deus criando e trazendo de volta a vida. Qual sua opinião diante da visão entre vida e morte e a possibilidade de resgatar a vida, mesmo que para isso, a ética deverá ser abalada.

Na minha concepção, o resgate da vida após a morte é algo impossível de ser feito (no momento) e mesmo que fosse só seria algo produtivo se fosse resgatado pessoas que realmente valessem a pena.


Qual a analogia da criação de Victor Frankestein e o mito de Prometeu?

Enquanto Victor dava a vida de novo, Prometeu criava a vida.







Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Frankestein e a Filosofia - 2º Ano / E.M.   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Frankestein e a Filosofia - 2º Ano / E.M.
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 2Ir à página : 1, 2  Seguinte
 Tópicos similares
-
» Filosofia da Geometria
» FILOSOFIA ESPÍRITA - VOLUME 1 - MIRAMEZ / JOÃO NUNES MAIA
» Eletricidade - Victor Frankenstein
» A filosofia do tempo e o espaço e sua aplicação na doutrina do "céu e o inferno"
» O Mito da Caverna de Platão

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
ALICE NA CAVERNA :: Sua primeira categoria :: Seu primeiro fórum-
Ir para: